Menu fechado

Por Kelly Cristina Teixeira

Enriquecimento ambiental na Síndrome de Pandora: aplicações da Modificação Ambiental Multimodal (MEMO)

Como o Enriquecimento ambiental atua de forma terapêutica nesta afecção, surgiu a Modificação Ambiental Multimodal, que engloba estratégias de enriquecimento ambiental

Resumo: A Síndrome de Pandora, nova denominação para Cistite Idiopática Felina, é uma afecção crônica, inflamatória e não infecciosa, que envolve diretamente o sistema nervoso central e a vesícula urinária. O estresse é o principal causador da Síndrome, sendo assim, o Enriquecimento ambiental atua de forma terapêutica nesta afecção. A partir disso, surgiu a Modificação Ambiental Multimodal, que engloba estratégias de enriquecimento ambiental, com objetivo de reduzir o estresse, promover melhor qualidade de vida e consequentemente diminuir os sintomas e as recidivas da Síndrome de Pandora.

Seja bem-vindo(a) leitor(a)!
Ainda não é assinante?

Assine agora e tenha acesso ilimitado a todas as materias de todas as edições da revista Medicina Veterinária em Foco!

Assinar